Análise

The Sexy Brutale, da dor e da redenção

Encontrar um dos melhores jogos do ano num cruzamento entre um Murder Mistery e o Groundhog Day é algo possível apenas no mercado indie.

Análise, Pais-Galinha

LEGO CITY Undercover, analisado com o meu filho

Aroveitamos o know-how do maior especialista de jogos de Lego que conheço, o meu filho de quase quatro anos, para avaliar LEGO CITY Undercover.

Análise

Styx – Shards of Darkness

O detestável Styx regressou neste Shards of Darkness., trazendo-nos de volta aos jogos de stealth o

Análise

No Lego’s Sky

Lego Worlds é a resposta ao sonho que quase todos os fãs da Lego tinham: como levar a tónica dos blocos dinamarqueses para Minecraft.

Análise, Ia-me Esquecendo

XCOM 2 do outro lado do campo de batalha

O mundo demora a salvar e por isso a análise a XCOM 2 vem com pouco mais de um ano de atraso

Análise

Yooka-Laylee, a um passo de “lá”

Yooka-Laylee tinha tudo para ser um dos jogos do ano. Mas desenganemo-nos: não vai ser.

Análise

Cupcake com sabor a baunilha e Viking

Diablo vestido de Viking não é um mod feito por fãs. É o novo jogo da Kalypso, que vem alimentar-se das tendências actuais.

Análise

Evoland II – No Louvre dos Videojogos

Evoland II é uma homenagem aos videojogos, um grande apanhado de piadas, referências, momentos históricos, gráficos e mecânicas.

Análise

Tire-me um expresso… cósmico!

Cosmic Express é um jogo de puzzles extremamente desafiante e bem feito. Mas quais as semelhanças com o responsável por nos por bem dispostos todos os dias?

Análise

The Witcher 3 – Tudo sobre as expansões

The Witcher 3: Wild Hunt foi o jogo do ano de 2015… Em 2016, Blood and Wine foi considerada a melhor expansão do ano. Decidimos jogá-las!