Caça ao Indie

Antevisão, Caça ao Indie

For the King ou pelo que quiserem

For the King, uma boa opção para quem quer um RPG para jogar com amigos.

Antevisão, Caça ao Indie

Abandon Ship: arroz de Kraken regado com Rum

Mesmo com limitações, Abandon Ship navega em águas douradas de criatividade.

Antevisão

Bio Inc. Redemption – e, no fim, não é Lupus!

Bio Inc. Redemption fez-me lembrar House. Ele sabe umas coisas. É um tipo esperto. Sabidão. Mas também é um c****o.

Antevisão, Caça ao Indie

Star Traders: Frontiers, a verdadeira guerra nas estrelas

Star Traders: Frontiers está em Early Access, mas já é dos nossos RPGs/jogos de estratégia favoritos.

Antevisão, Caça ao Indie

Trailmakers e o som nostálgico dos LEGO Technics

Trailmakers brilha na sua liberdade de construção, e na forma como a lógica de adequação mecânica das nossas criações funcionam com uma paleta relativamente limitada de módulos.

Antevisão, Caça ao Indie

Rise of Industry e o simulacro de gestão

Um bom jogo de gestão industrial tem a sua qualidade no detalhe, tal e qual um objecto artesanal único.

Antevisão, Caça ao Indie

Invasion: um tiro no vazio

Quando queres fazer um jogo mas não queres ter trabalho…

Antevisão, Observador

Ni no Kuni II Revenant Kingdom, a magia de jogar um filme dos estúdios Ghibli

A convite da Bandai Namco estivemos dois dias num castelo em Kent a conhecer Ni no Kuni II Revenant Kingdom em primeira mão.

Antevisão, Caça ao Indie

Super Cane Magic Zero: cacifos e vegetais não hei-de eu comer

Super Cane Magic Zero consegue trazer uma aura divertida, colorida e surreal aos roguelikes.

Antevisão, Caça ao Indie

Como fazer um bom Harvest Moon – Volume I

My Time at Portia é o melhor Harvest Moon em mais de dez anos, e nem precisa do peso do título para o ser.