Artigos de Ricardo Mota

Antevisão

PLAYERUNKNOWN’S BATTLEGROUNDS – em maiúsculas para se ver bem

PLAYERUNKNOWN’S BATTLEGROUNDS entrou de rompante no mundo dos videojogos e, em 15 dias, saltou de desconhecido para 1 milhão de cópias vendidas. Porquê?

Opinião

Days of War – Seconds of Fun

Days of War promete-nos dias de guerra. Traz-nos alguns segundos de frustração antes de fecharmos o jogo e irmos fazer outra coisa.

RTP Arena

DAC 2017 – o regresso do rei

Balanço do DAC 2017 – Dota 2 Asia Championships, esta semana no RTP Arena.

Opinião

Police Tactics: Imperio – um fastio, Sr. Agente

Imaginem o Guarda Serôdio a gerir todos os processos de funcionamento de uma esquadra. E tentem ler a frase sem lhe imitar o xutaque.

Opinião

O EVANGELHO DE DOTA 2 segundo Ricardo Mota, Versículo Final

O versículo final sobre Dota 2 e que nos traz a importância enquanto eSport e enquanto motor de desenvolvimento de jogos custom.

Análise

The Witcher 3 – Tudo sobre as expansões

The Witcher 3: Wild Hunt foi o jogo do ano de 2015… Em 2016, Blood and Wine foi considerada a melhor expansão do ano. Decidimos jogá-las!

Opinião

O EVANGELHO DE DOTA 2 SEGUNDO RICARDO MOTA, VERSÍCULO 4

O quarto versículo sobre Dota 2 vem mostrar a importância e o valor do gold e das skins e como é que a Valve estabeleceu o precedente com elas.

A Hora do Meh

Beyond Enemy Lines – mais não, por favor!

Beyond Enemy Lines é um jogo de acção furtiva que promete passar furtivamente pela vossa biblioteca de jogos instalados.

Ia-me Esquecendo

O evangelho de Dota 2 segundo Ricardo Mota, versículo 3

No terceiro versículo sobre Dota 2, São Ricardo Mota fala dos pertences divinos e dos personagens que compõem o panteão do jogo.

Ia-me Esquecendo

O evangelho de Dota 2 segundo Ricardo Mota, versículo 2

No segundo versículo do laudo a Dota 2 há explicações de lanes e personagens. Ámen!