Capcom

Opinião

Falas bem… mas não me alegras

Quase imperceptível quando bem feito, o voice acting pode ser o ponto definidor entre um objecto muito bom, e um excelente. Que o diga Resident Evil 7.

Opinião

Resident Evil 7 – Bem-vinda de volta Capcom

Resident Evil 7 reduz-nos a uma mera criança assustada no canto da sala. E isso mostra o regresso em força da Capcom.

Rapaz-Ventoinha

Eu sou o Terror que esvoaça na noite

Darkwing Duck não é apenas uma das melhores séries de animação da Disney: é também um brilhante jogo para NES/Game Boy.

Rapaz-Ventoinha

Ghost Trick: Phantom Detective

Da mente do criador de Phoenix Wright, Ghost Trick: Phantom Detective é uma das grandes jóias-fantasma da Nintendo DS e da Capcom.

Rapaz-Ventoinha

O Genesis segundo Ricardo: Phoenix Wright

O novo jogo Phoenix Wright regressa-nos ao brilhantismo tresloucado que tece as teias dos argumentos e da lógica quase-absurda quase-genial de cada caso.

Post Scriptum

Resident Evil 4 – o Bloodborne de 2005

Hoje quero falar daquele que considero o melhor jogo de Acção/Terror de Sempre: Resident Evil 4.

Opinião

Resident Evil 6… Porquê Capcom, Porquê?

Uma pergunta que me tem sobressaltado desde 5ª Feira (muito recente – eu sei, mas ainda assim perturbante): porquê um Resident Evil 6 Remastered?

Post Scriptum

Dino Crisis 2

Dino Crisis 2 é um dos grandes jogos da PlayStation e uma das grandes influências esquecidas da década passada.

Gomu Gomu no Chicken

Project X Zone 2 – Cocktail de fan service

O problema de se ter crescido nos anos ontem com uma tia adolescente em casa é que paras além do Mel Brooks, das comédias…

Perdidos e Machados

Aquele jogo dos cavaleiros

Professor Machado procura o Santo Graal.