principal

Análise

Jon Shafer’s At the Gates: como reinventar os 4X depois de Civ V

Jon Shafer foi o designer principal do aclamado Civilization V. Regressa agora em nome próprio para reinventar os 4X.

Opinião

Metro: Exodus traz o nuclear para a guerra de plataformas em PC

Tinha pensado em fazer uma viagem até Metro: Exodus. Uma recapitulação da saga de Dmitry Glukhovsky que, de jogo fora dos radares, foi catapultado…

Análise

Ring of Elysium: Battle Royale 2.0

Falaram-me de Ring of Elysium. Torci o nariz. Mais um Battle Royale? Convidaram-me para jogar com eles. Refilei. Chatearam-me. Resmunguei escrupulosamente de 55 em…

Análise

Aftercharge: descarga assimétrica de boas ideias

Desde a primeira partida que sentimos que um dos grandes méritos de Aftercharge é o equilíbrio mecânico dentro da sua assimetria.

Opinião

My Hero Academia – One’s Justice : Li a manga, vi o anime, será que o jogo aguenta?

My Hero One’s Justice segue à letra a história principal, olhando para os dois lados da moeda: uma storyline com os vilões e outra com os bons da fita.

Análise

REHTONA: bem-vindos ao Upside Down

Enganadoramente simpático com a sua pixel art colorida e detalhada, REHTONA é um dos melhores e mais difíceis 2D puzzle platformers que já jogámos.

Crítica

Análise: Travis Strikes Again: No More Heroes

Travis Strikes Again é uma aventura surreal cheia de referências, muito estilo e muita variedade.

Antevisão

Starcom: Nexus – o carvão que pode virar diamante

Starcom é um jogo de exploração espacial muito ao estilo S.P.A.Z. ou seja uma aventura espacial cheia de escolhas. Mas na verdade acaba por roçar um muito bom top down shooter em esteróides.

Análise, Caça ao Indie

Um rhythm game para Paulo Portas

Sonar Beat é um rhythm game que nos vai relembrar o nosso antigo Vice-Primeiro-Ministro.

Análise, Caça ao Indie

FutureGrind: as corridas de motas impraticáveis de amanhã

Um desporto do futuro com motas de rodas coloridas verticais e rotativas e que rapidamente levam os seus pilotos à morte.