Análise

Unruly Heroes: a oeste do deslumbramento

Um sintoma de que 2019 vai ser um excelente ano para os videojogos (como aliás, têm sido os últimos 3) é que neste início…

Análise, Ide Jogar, É Grates!

Apex Legends analisado segundo José Régio

Reconheço que não é um jogo para todos os gostos, o compromisso não acarreta riscos nem custos, se não gostarem podem desinstalar. Para aqueles que procura algo para se entreter sem a necessidade de grande investimento de tempo, é o melhor Battle Royale que joguei. 

Análise

When Ski Lifts Go Wrong: eis a pior estância de ski de sempre

When Ski Lifts Go Wrong, lançado originalmente em Early Access com o título Carried Away, chegou à Switch e ao PC, ainda que jogá-lo com rato e teclado seja a solução perfeita.

Análise

Bladed Fury: o engenho e a perfeição chinesas

Bladed Fury é um dos melhores jogos que jogámos em Janeiro, e uma prova (se é que ele era necessária) do tremendo talento das equipas indie da Ásia, em especial da China.

Análise

Game Dev Studio: cem Lumens ou sem Lumens?

Game Dev Studio é uma belíssima peça de software, que atinge perfeitamente todo o enfado a que o designer se propõe. Infelizmente há mais na arte de fazer jogos do que a simples programação.

Análise

WarGroove: de Fire Emblem a Advance Wars numa só viagem

Wargroove é uma maravilhosa carta de amor à Intelligent Systems obrigatório não só para os fãs do estúdio, mas também de turn-based tactical RPGs.

Análise

VR Portal Gate Alpha, em Penafiel: uma experiência em VR

Esta semana fomos visitar uma nova experiência no norte do País, o VR Portal Gate Alpha em Penafiel. Fomos convidados a conhecer este novo espaço…

Análise

Resident Evil 2 Remake: uma bela historia de moral Budista!

Quem diria que um conto moralista de natureza budista, acabaria por ser a a pedra basilar de algo aparentemente simples mas com complexidades intrigantes.

Análise

Jon Shafer’s At the Gates: como reinventar os 4X depois de Civ V

Jon Shafer foi o designer principal do aclamado Civilization V. Regressa agora em nome próprio para reinventar os 4X.

Análise

Análise a Mars: Chaos Menace

Todas as tentativas de abraçar a nostalgia dos velhos scroll shooters é bem vinda, mas Mars: Chaos Menace é apenas mais um pãozinho sem sal no meio de uma fornada jogos desse género que saem todos os meses.