Análise, Caça ao Indie

The Ascent é parra a mais para a uva que tem

The Ascent começa a um nível alto mas leva a que o nosso entusiasmo decresça com o tempo. Escrevi, bem cedo, a sua análise na minha cabeça.

Split-Chicken

Aquele episódio sobre vendas

No 5º episódio da quarta temporada dedicamos uma grande parte do episódio às vendas das consolas Switch, Xbox Series e PS5.

Ia-me Esquecendo

Moonlighter ficou o meu part-time nocturno… fora o cabaré

Descobri com Moonlighter o quão divertido pode ser fazer sempre a mesma coisa… vezes sem conta… sem parar… e isso tornou a minha análise um momento de descontração.

Caça ao Indie

Afinal há jogos hardcor-de-rosa

Pinkman e Rabisco pegam nos géneros de acção e plataformas implacáveis e fazem-nos sentir bem recebidos na face de tanta morte.

Caça ao Indie

Há mundos que se resolvem ao clique do rato

Seja a procurar alguém querido em Chernobyl ou a disfarçar o que pode ser o crime perfeito, estes 2 indies mostram-nos o poder de um clique em mundos… virtuais.

Caça ao Indie

Mini Motorways: estou na estrada para o Inferno

Mini Motorways obriga-nos a resolver os problemas de trânsito de uma cidade que não pára de crescer,

A Galinha dos Ovos de Ouro

[PASSATEMPO] A GALINHA DOS OVOS DE OURO #55

O novo passatempo d’A Galinha dos Ovos de Ouro tem disponível um código de Steam de Shadowrun Returns, Residue e Albino Hunter.

A Galinha dos Ovos de Ouro

[VENCEDOR] A GALINHA DOS OVOS DE OURO #54

Já sabemos a quem vamos dar o 54º cesto d’A Galinha dos ovos de Ouro, que inclui um código de Steam de Cities in Motion 2, Sunset e Hack ‘n Slash.

Análise

WONDER BOY: ASHA IN MONSTER WORLD – preso em 1994 e no PC

Há mesmo um sentimento agridoce ao jogar este Wonder Boy: Asha in Monster World.

Caça ao Indie

Aponta, clica, tenta, resolve, sucede

O mercado indie continua a ser solo fértil para aventuras gráficas. Os 2 indies desta semana mostram essa realidade.