Tag - Action

Liberated: onde a liberdade não é grátis

Caça ao Indie, Kinder Surpresa

Liberated, uma graphic novel jogável mais actual do que se esperava há uns anos.

Control: o candidato silencioso a jogo do ano

Análise

Control acaba por ser a concretização do experimentalismo que a Remedy andou a fazer ao longo dos anos nos seus diferentes universos. E isso torna-o, sem dúvida, um dos melhores jogos do ano e obrigatório se gostarem de títulos do género. 

My Friend Pedro: I like to shoot, shoot, shoot Shotguns with Bananas

Análise

My Friend Pedro é como qualquer banana, parecia madura mas está verde numas partes e pisada noutras. Mesmo assim, come-se.

Devil May Cry 5: o melhor entre os melhores

Análise

Eu amo a série Devil May Cry tanto como ananás na pizza mas nem assim estava à espera de algo tão bom.

Omensight: Majora’s Mask com o pensamento no Cluedo

Análise

Omensight leva-nos a reviver o loop de um dia até descobrirmos quem assassinou a princesa e despoletou o fim-do-mundo.

Agents of Mayhem, a febre de sábado de manhã

Observador

Agents of Mayhem vira do avesso as memórias das séries de animação da nossa infância, e pouco mais faz com elas do que uma paródia violenta e superficial.

Essenciais Rubber Chicken – Acção e Aventura

Essenciais Rubber Chicken

Esta semana nas nossas listas, talvez a maior. Os jogos de Acção e Aventura

Gravity Rush 2

Opinião

Se Gravity Rush 2 é a forma de 2017 se auto-anunciar como um grande ano para os videojogos, então temos que estar preparados, porque sê-lo-á.

Ellipsis

Caça ao Indie

Ellipsis resume-se a um jogo mobile glorificado, mas oferece uma experiência consistente e valiosa para quem procura um jogo para relaxar ou um bom desafio.

Gunnihilation o Bullet Hell vindo dos Céus

Caça ao Indie

Às vezes não precisamos de muita coisa, a simplicidade é a chave da diversão neste mundo.