Tag - Hack 'n Slash

No More Heroes 3: a piada que se recusa a morrer

Análise

Talvez o problema de No More Heroes 3 seja o de ainda estar preso em 2007.

Bayonetta 3: como ser fixe em qualquer Universo

Análise

A melhor forma que tenho de descrever Bayonetta 3 é que é…fixe. Fixe a valer. Não é o início mais glamoroso de análise que já escrevi, eu que podia estar aqui a inventar figuras de estilo em torno…

Fire Emblem Warriors: Three Hopes – é por isto que gosto de filmes de Domingo à tarde

Análise

Fire Emblem Warriors: Three Hopes está mais do que recomendado. Mas não se metam a completar musou todos os anos porque o fascínio desgasta-se.

Do Japão feudal (ou lá perto), com amor

Caça ao Indie

Os 3 indies desta Caçada representam a cultura japonesa como a sua grande musa.

Stranger of Paradise: Final Fantasy Origin – Team Ninja de marca branca

Opinião

Stranger of Paradise é mais um spin off da série Final Fantasy, uma tomada de ação completamente diferente daquilo que estamos habituados a ver no universo principal da Square Enix. E a explicação é simples, o jogo foi…

Blackwind: o poder de fogo aborrecido de um mehcha

A Hora do Meh

Blackwind é daqueles casos em que um combate interessante não é suficiente para disfarçar o quão meh todo o invólucro do jogo é.

Só apetece andar à chapada, outra vez

Caça ao Indie

Três indies, três razões para andar à chapada. Outra vez.

One Piece: Pirate Warrior 4 – viagens pelo mundo de Oda

Análise

One Piece: Pirates Warriors 4 é um excelente jogo de Warriors, com um sistema de level up semelhante aos mapas de skills de Final Fantasy X. Mas será que é um jogo para toda a gente?

Dungeon crawler para crianças. O seu nome é Bond, Riverbond

Caça ao Indie, Pais-Galinha

Não se pode dizer que dungeon crawlers kid-friendly existam aos pontapés.

MediEvil: uma (nova) segunda vida para Sir Dan Fortesque

Análise

Depois de muitos anos esquecido no pós-morte, Sir Daniel Fortesque tem no remake de MediEvil mais uma oportunidade para encontrar o heroísmo perdido.