JRPG

Análise

Dragon Quest XI: quando a palavra “definitiva” encontra a sua razão de ser

Aquele que era já o melhor JRPG lançado no ano passado encontra aqui na Switch o espaço para ser o melhor jogo do género na consola híbrida da Nintendo.

Análise

Sin Slayers: o pecado não mora aqui

Em Sin Slayers os JRPGs e os roguelikes fundem-se num jogo descomprometido.

Análise

Regressar a um lugar feliz: Final Fantasy VIII

A oportunidade perdida de remasterizar um dos mais marcantes Final Fantasy.

Análise, Crítica

Octopath Traveler: oito aventuras para quem as sabe apreciar

Octopath Traveler é um jogo onde um vasto conjunto de elementos simples e já bastante vistos se compõe numa tela coerente cheia de subtilezas intencionalmente plantadas para que de uma forma natural o jogador se aperceba das suas relações.

Análise, Observador

Octopath Traveler: os oito caminhos de um grande jogo

Octopath Traveler representa o regresso da histórica Square Enix à era dourada dos JRPGs, naquele que é um dos títulos obrigatórios da Nintendo Switch. 

Caça ao Indie

À falta de um Nobel, vai uma visual novel?

O outro quer um Nobel. Mas possivelmente só vai conseguir ter visual novels. Isto se ele souber ler.

Caça ao Indie

Não se escreve indie sem as letras R, P e G

A centésima quinquagésima Caçada Semanal traz-nos dois excelentes RPGs indies como comemoração.

Caça ao Indie

Preparado para a NEStalgia

A NES é indubitavelmente uma das maiores influências do do game dev mundial. Que o digam estes 3 jogos indie.

Caça ao Indie, Opinião

LEGRAND LEGACY, a homenagem indie a FFVI

Muitas dos jogadores que se deixaram mergulhar no mundo de Midgard e Gaia são hoje game developers e alguns deles querem produzir algo que se aproxime desse jogo tão marcante para si.

Análise

Lost Sphear: a auto-homenagem da Square. E pouco mais

Mas em que é que falha Lost Sphear, onde por exemplo Bravely Default não falhou?