Switch

Análise

Team Sonic Racing: é possível mungir um ouriço?

Team Sonic Racing é interessante, mas sem uma equipa completa de humanos minimamente decentes numa pista de kart virtual, acaba por ser uma aposta quase exclusivamente indicada para os fãs do ouriço.

Caça ao Indie

Há tanto espaço para bons indies desenhados à mão

Vejamos o caso dos indies, que com poucos recursos mediáticos têm de conseguir conquistar os seus públicos com o que têm à mão.

Caça ao Indie

Hell is Other Demons: a canção da depuração

Com uma banda sonora excelente que se ajusta na perfeição com tudo o que Rahm conseguiu fazer com estes 8 bits e uma paleta de cores reduzida, Hell is Other Demons é uma das excelentes surpresas do mercado indie de 2019.

Análise

Muito mais que Hotline Katana ZERO

Apesar das limitações mecânicas, Katana ZERO consegue criar cada um dos seus níveis como um puzzle distinto por si só, criando um desafio constante em cada uma das suas onze missões.

Análise

Masquerada: bonitas máscaras vazias

Masquerada – Songs and Shadows é um jogo muito bonito, mas no fundo é só isso.

Gomu Gomu no Chicken

Fate/EXTELLA Link: regresso à terra do button mashing

A par do seu antecessor, Fate/EXTELLA LINK não vai de todo mudar a minha vida, e é muito provável que daqui a uns meses já nem me lembre que o joguei, mas não deixou de me divertir enquanto durou.

Análise, Caça ao Indie

Grimshade, lendas de guerra e de texugos steampunk

Apesar do foco principal de Grimshade ser a história, aquilo do qual mais nos vamos lembrar é do combate por turnos.

Caça ao Indie

VA-11 HALL-A: Cyberpunk Bartender Action

VA-11 HALL-A: Cyberpunk Bartender Action – Como ser um bartender é melhor que ser um psicólogo.

Análise

Mortal Kombat 11: encerrar a sangue um arco dourado

Mortal Kombat 11 chegou há dias ás lojas e é o desfecho do arco narrativo começado com o reboot da série, e assume-se como mais um ponto alto de toda a série.

Análise

SteamWorld Quest: a excelência forjada a ferro e vapor

Pode um dos candidatos a jogo do ano de 2019 ser um indie deck builder RPG com robots em ambiente medieval? SteamWorld Quest diz que sim.